4 Fevereiro 2021

Por que falamos MUINTO e escrevemos MUITO? São muitas as ideias envolvidas nessa explicação. Quem já nos acompanhava pelo Youtube pode já ter assistido, mas, já que a dúvida foi enviada por diversos seguidores durante o fim de semana, trouxemos o vídeo para cá também:

 

Você já tinha pensado sobre isso? O que achou da explicação? 😉🌻

Por que falamos MUINTO e escrevemos MUITO? São muitas as ideias envolvidas nessa explicação. Quem já nos acompanhava pelo Youtube pode já ter assistido, mas, já que a dúvida foi enviada por diversos seguidores durante o fim de semana, trouxemos o vídeo para cá também:   Você já tinha pensado sobre isso? O que achou […]

Leia mais

escrito por

Nossa missão é combater o preconceito linguístico e dar dicas sobre o padrão da língua, que todos têm o direito de conhecer.



4 Fevereiro 2021

Estava assistindo a umas aulas do nosso curso quando me ouvi dizer as duas frases do título.


Quer aprender onde colocar a dita-cuja? Comece entendendo algumas coisinhas:⁣

• Vírgula não é pausa para respiração. Eu sei que muita gente aprendeu assim e que, vez ou outra, até acerta usando essa “tática”. Mas, em geral, a gramática normativa tem dicas mais “universais”, digamos assim. Roda por aí uma piadinha sobre como asmáticos e nadadores pontuariam os textos, caso isso fosse verdade. Mas não é!⁣

• Vírgula pode ser algo subjetivo às vezes. Não estou dizendo pra ouvir seu coração e “sentir” se deve usar vírgula ou não. Estou dizendo que a presença e a ausência desse sinal podem interferir sutilmente (ou fortemente) em sentidos e sonoridades, o que torna as coisas um pouco menos objetivas.⁣

• Fazemos pausas na fala que não correspondem a vírgulas na escrita, como em “A melhor pessoa que eu conheço (pausa dramática sem vírgula) é minha mãe”.⁣

• Usamos vírgulas obrigatórias na escrita em contextos nos quais não há pausas na fala, como em “Oi, professora!”.⁣

👉 Vírgula é um assunto longo e muito, muito, muito legal! Ninguém vai aprender tudo em cinco minutos, então esse assunto ainda continua e vai longe. Se você mantiver essas dicas iniciais em mente, acredite: vai ficar mais fácil. Uma dica para você que ainda não entendeu bem esse assunto: acompanhe também o perfil @portuguespravida.cursos.⁣

Estava assistindo a umas aulas do nosso curso quando me ouvi dizer as duas frases do título. ⁣ Quer aprender onde colocar a dita-cuja? Comece entendendo algumas coisinhas:⁣ ⁣ • Vírgula não é pausa para respiração. Eu sei que muita gente aprendeu assim e que, vez ou outra, até acerta usando essa “tática”. Mas, em […]

Leia mais

escrito por

Nossa missão é combater o preconceito linguístico e dar dicas sobre o padrão da língua, que todos têm o direito de conhecer.



4 Fevereiro 2021

Você é um acumulador de fontes de conhecimento?⁣
Semana passada, conversei com uma aluna que não sente que tem avançado nos estudos de língua portuguesa. Ela não entende o que acontece! Afinal, segue várias páginas de língua portuguesa, salva várias publicações, compra gramáticas e dicionários e já se inscreveu em quatro (QUATRO!!!) cursos de gramática diferentes só em 2020.⁣

A minha aluna não é viciada em estudar, mas é viciada em acumular fontes. Ela acha que, ao entrar em contato com a língua portuguesa, ela está fazendo algo. Ela compra gramáticas, olha pra estante cheia e não entende por que não aprende.⁣
Ela compra cursos que não faz e não entende por que não aprende.⁣
Ela salva centenas de publicações que ela nunca relê.⁣

Se você também tem acumulado fontes de conhecimento, mas não consegue transformá-las em conhecimento de fato, vamos conversar?⁣

Li no Twitter a frase “Sempre que estiver esperando a ‘hora certa’ para fazer algo, lembre dos adesivos dos seus cadernos de infância e responda: você usou as figurinhas?”. Eu também me identifico com a reflexão, porque também guardei adesivos especiais e nunca usei. Às vezes, quando guardamos algo muito tempo sem uso, aquilo mofa. Ou vence. Ou apenas perde seu valor. Vamos aproveitar ao máximo os recursos que temos HOJE? Já pensou se a tal da “hora certa” for AGORA?⁣

Você é um acumulador de fontes de conhecimento?⁣ Semana passada, conversei com uma aluna que não sente que tem avançado nos estudos de língua portuguesa. Ela não entende o que acontece! Afinal, segue várias páginas de língua portuguesa, salva várias publicações, compra gramáticas e dicionários e já se inscreveu em quatro (QUATRO!!!) cursos de gramática […]

Leia mais

escrito por

Nossa missão é combater o preconceito linguístico e dar dicas sobre o padrão da língua, que todos têm o direito de conhecer.



4 Fevereiro 2021

tirinha mudança linguística tirinha a língua muda tirinha evolução da língua

tirinha mudança linguística tirinha a língua muda tirinha evolução da língua

Leia mais

escrito por

Nossa missão é combater o preconceito linguístico e dar dicas sobre o padrão da língua, que todos têm o direito de conhecer.